Estado Islâmico ameça segurança da Copa do Mundo de 2018

Estado Islâmico volta a ameaçar os jogos da Copa do Mundo na Rússia, em 2018 e desta vez usam a imagem de CR7.

Por
Compartilhe

Seguem firme as ameaças de grupos pró-Estado Islâmico a Copa do Mundo da Rússia, em 2018. Após fazerem ameaças usando a imagem de Messi e Neymar, indicando possíveis ações do grupo “Jihadista” ao Mundial, agora foi a vez de Cristiano Ronaldo ser usado como “alvo” do referido grupo.

Cristiano Ronaldo - craque do Real Madrid e da Seleção Portuguesa.Cristiano Ronaldo - craque do Real Madrid e da Seleção Portuguesa.

Na arte apresentada pelos terroristas, o jogador do Real Madrid e da Seleção Portuguesa aparece como refém – um dos terroristas está com uma faca em frente a Cristiano Ronaldo que aparece ajoelhado e com um olho roxo.

Em mensagem transmitida na propaganda encontrada pelo grupo de monitoramento da Intel, está descrito o seguinte:

“Nossas palavras são o que você vê, não o que você ouve. Então espere. Nós estamos esperando também...”

Tais ameaças as estrelas do futebol e ao principal evento de seleções do mundo, chega em um momento em que o “Estado Islâmico” sofre derrotas em seus redutos e perde territórios na Síria e no Iraque. 

No último sábado, um dos pôster traziam ameaça a Neymar e Messi - neste o extremista segura o brasileiro de joelhos e com as mãos atadas. Já o craque argentino aparece já executado ao lado.

Em outra oportunidade, os “Jihadistas” da Wafa Media Foundation, que apoia o EI, divulgou uma imagem com Messi com um dos olhos sangrando e uma roupa de presidiário com seu nome escrito.

Foto: Reprodução/Twitter.Foto: Reprodução/Twitter.

Comentários