Bélgica tentará diante da França manter uma escrita em Copas do Mundo

A Bélgica até hoje em Copas do Mundo tem como melhor retrospecto a Copa de 1986 – disputada no México, quando terminou a mesma em quarto lugar.

Por
Compartilhe

Será a Bélgica uma das finalistas na Copa do Mundo da Rússia? Se for contar com o retrospecto “brasileiro” sim, visto que as últimas seleções que eliminaram o Brasil de uma edição da Copa, desde 1990, sempre estiveram na “Final”. Desde a Argentina – de Canniggia, até os 7 x 1 contra a Alemanha, todas as seleções que passaram pelo Brasil na Copa do Mundo chegaram a grande decisão do torneio.

Jogadores belgas comemorando a classificação as semifinais da Copa do Mundo da Rússia.Jogadores belgas comemorando a classificação as semifinais da Copa do Mundo da Rússia.

Argentina – 1990, França – 1998 e 2006, Holanda – 2010 e Alemanha – 2014, todas essas chegaram a grande decisão da Copa do Mundo nos respectivos anos, mas somente a Alemanha e França conquistaram a taça. Agora semifinalista na Rússia, a Bélgica que enfrenta a seleção da França nesta próxima terça-feira, em São Petersburgo, tentará manter a escrita. Bélgica x França jogam às 15h (horário de Brasília).

A Bélgica até hoje em Copas do Mundo tinha como melhor retrospecto a Copa de 1986 – disputada no México, quando terminou a mesma em quarto lugar, caindo justamente para a grande campeã daquela edição – a Argentina de Maradona. Na disputa pelo terceiro lugar, a seleção belga do craque Scifo, perdeu o jogo para os franceses de Platini; a mesma seleção que enfrenta agora nas semifinais do Mundial da Rússia.

Nesta edição da Copa do Mundo, a seleção comandada pelo técnico espanhol – Roberto Martínez, chega às semifinais com a melhor campanha na competição (cinco vitórias em cinco jogos); além disso, a seleção belga ainda conta com o melhor ataque (14 gols marcados).

Após eliminarem o Brasil da Copa do Mundo, a Bélgica se tornou sem sombra de dúvidas uma das grandes favoritas ao título mundial, aonde até mesmo alguns de seus jogadores já admitem esse favoritismo a seu favor, como é o caso do zagueiro Vermaelen, que declarou querer chegar mais longe no torneio.

“Sim, somos um dos favoritos, porque estamos na semifinal. Temos que acreditar em nossas chances. Estamos alegres com que fizemos até aqui, mas queremos ir mais longe, não desistiremos. Queremos aproveitar a oportunidade para ir à final e quem sabe, conquistar a Copa”, declarou, em entrevista.

Comentários