O "Guardiolismo" é o culpado pela eliminação da Itália, diz Chiellini

Chiellini não se conforma com a eliminação da Itália para a Copa do Mundo na Rússia.

Por
Compartilhe

Para Giorgio Chiellini – zagueiro italiano da Juventus e da seleção italiana, um dos maiores culpados da Itália não estar na Copa do Mundo, é Pep Guardiola – treinador do Manchester City. Segundo seus argumentos, a falta de zagueiros centrais e a teimosia dos treinadores em querer imitarem o estilo de Guardiola, sem possuir os jogadores certos para cada função, foi um dos maiores prejuízos para a Seleção Italiana.

Chiellini acredita que o "Guardiolismo" eliminou a Itália da Copa do Mundo.Chiellini acredita que o "Guardiolismo" eliminou a Itália da Copa do Mundo.

“Há muitas explicações. Mas um dos maiores motivos é a carência de zagueiros centrais a estilo de Maldini, Baresi ou Cannavaro. Quanto à culpa, por assim dizer, é dos treinadores que quiseram imitar o estilo de Guardiola, sem possuir os jogadores para as funções certas. Guardiola nos arruinou” destacou o zagueiro italiano, em entrevista a “Gazzetta dello Sport”.

Vale lembrar que a seleção italiana foi derrotada pela Suécia na repescagem das Eliminatórias Europeias para a Copa do Mundo da Rússia. Tanto para Chiellini, como para os torcedores italianos, ver a segunda seleção com maior número de títulos mundiais fora dos jogos, é muito dolorido.

“Neste verão vai ser complicado. Os meses de junho e julho serão como uma punhalada. Acompanharei os resultados, mas não ficarei no sofá assistindo aos jogos não” finalizou ele em um tom de tristeza.

Comentários