Com a Copa do Mundo se aproximando, os técnicos das seleções que irão disputar a competição já estão de olho em seus melhores jogadores e para Jorge Sampaoli isso não é diferente - o treinador da Seleção Argentina revelou nesta última segunda-feira que mesmo fora da lista de observação, Tevez pode acabar indo a Rússia.

Sem ainda definir quais serão seus atacantes para os jogos da Rússia, Tevez que retornou a Argentina nesta temporada, surge como possível solução para o setor. Após voltar de uma viagem a Europa, onde foi conferir alguns atletas que estão na referida "lista de observados", comentou a respeito do jogador.

Perguntado sobre Tevez, Sampaoli declarou que não é preciso comentar sobre a capacidade dele, lembrando que tentou contratá-lo quando treinava o Sevilla, da Espanha.

"Existe um grupo de pessoas ligadas a mim que trabalham para saber a atualidade de alguns atletas que não estão em nossa lista. Caso Teves se destaque, eu saberei e irei analisá-lo. Ninguém questiona a característica de Teves como jogador. Eu mesmo quando treinei o Sevilla, queria ele como reforço para a Champions. Todos que se destacam serão muito bem analisados".

Em entrevista a rádio "La Red", de Buenos Aires - capital da Argentina, Tevez declarou após sua estreia pelo Boca que tentará tornar a vida do treinador da seleção Argentina um pouco mais difícil.

"Não vou facilitar para Sampaoli. Não me tiro de fora do Mundial. Seria lindo arrebentar nesses quatro meses e fazer com que ele tenha dúvidas", disse Teves.

Vale lembrar que a última partida de Teves com a camisa da Seleção Argentina foi em outubro de 2015; desde lá não teve mais chances com as cores "Albiceleste".