Após ser alvo de críticas por não marcar nenhum gol na Copa do Mundo, o atacante Gabriel Jesus vive momento artilheiro na seleção brasileira. Com 3 gols marcados nos 2 amistosos antes da Copa América, o centroavante alcançou uma marca importante após a goleada contra Honduras.

Em dois anos e nove meses comandando a Seleção, esse foi o jogo de número 36 de Tite. O treinador alcançou a 29ª vitória. Com ele, o Brasil sofreu apenas duas derrotas e empatou cinco vezes. A goleada sobre Honduras foi a maior da equipe sob o comando do treinador. Antes o Brasil tinha vencido duas vezes por 5 a 0 com o treinador: El Salvador e Bolívia.

Mesmo que o desempenho na Copa do Mundo tenha sido decepcionante, o aproveitamento geral de Tite na seleção é muito empolgante: são 85,19% de aproveitamento, com 80 gols marcados e 10 sofridos.  E no quesito gol quem se dá bem é Gabriel Jesus, atacante do Manchester City. Ele é o artilheiro da Seleção Brasileira no período com 16 gols, três a mais do que Neymar.

 

A estreia de Tite no comando da Seleção Brasileira aconteceu no dia primeiro de setembro de 2016. O Brasil venceu o Equador por 3 a 0, fora de casa, nas Eliminatórias para a Copa do Mundo da Rússia. Os gols foram marcados justamente por Neymar e Gabriel Jesus, duas vezes.  

Confira a lista de artilheiros da era Tite na seleção brasileira:

Gabriel Jesus - 16

Neymar- 14

Philippe Coutinho-10

Paulinho- 8

Roberto Firmino- 6

Richarlison- 5

Miranda- 3

Thiago Silva- 3

Marcelo, Diego Souza, Renato Augusto e Willian- 2

Alex Sandro, Dudu, Filipe Luís, Lucas Paquetá, Marquinhos, Taison e David Neres- 1