Conmebol promete cumprir com a lei de segurança nos estádios em 2019

Em uma entrevista recente, o Diretor da Conmebol – Fred Nantes esclareceu que a questão de segurança será uma das prioridades da entidade neste ano. O mesmo ainda lembrou do caso da “morte” do torcedor do San José, em 2013, em partida válida pela Libertadores daquele ano e também da final de 2018.

Por Minha Torcida
Compartilhe

Conmebol promete endurecer algumas de suas regras para a Libertadores-2019 e uma dessas é o uso de “bandeirões” nos estádios.

Com um processo de tentar construir uma imagem mais limpa para a maior competição sul-americana, a Conmebol está preparando uma dinâmica para ajudar a diminuir alguns problemas disciplinares e de violência nos estádios.

Para a edição da Libertadores deste ano, a entidade máxima do futebol na América do Sul criou um “Centro de Comando e Controle” em sua sede, no Paraguai, donde irá controlar todo e qualquer tipo de indisciplina por parte dos torcedores dos times participantes e também dos participantes da competição.

Toda e qualquer imagem de transmissão realizada pela mesma será recebida e analisadas por uma comissão previamente definida. Lembrando que todos os estádios que receberem jogos da Libertadores serão monitorados.

Fred Nantes (a esquerda) durante uma coletiva na sede da Conmebol, onde falou sobre o assunto - Foto: Martin Fernandez.Fred Nantes (a esquerda) durante uma coletiva na sede da Conmebol, onde falou sobre o assunto - Foto: Martin Fernandez.

Em uma entrevista recente, o Diretor da Conmebol – Fred Nantes esclareceu que a questão de segurança será uma das prioridades da entidade neste ano. O mesmo ainda lembrou do caso da “morte” do torcedor do San José, em 2013, em partida válida pela Libertadores daquele ano, entre Corinthians e o próprio San José – além desse, também do fato ocorrido no final da Libertadores de 2018.

“Não vamos esperar que aconteça uma nova tragédia como já aconteceu, como vocês sabem. Em 2013, por exemplo, dispararam foguetes de trás de bandeiras e um torcedor acabou falecendo. A Conmebol já mostrou no último ano que não está revelando nada que não esteja no regulamento. Fomos alvos de críticas duras de clubes, da imprensa, pela questão disciplinar. Ninguém irá deixar passar nada. Se não cumprir o regulamento, tem que ser responsável por seus atos”, declarou o diretor de competições de clubes da Conmebol.

O mesmo ainda disse que os clubes que não se adequarem as novas medidas, sofrerão uma retenção.

“Foi aprovado realizar uma retenção (valores que a Conmebol para os clubes), não multa, mas uma retenção, até que os itens de segurança estejam de acordo com o regulamento. Existem valores estabelecidos na Libertadores e na Sul-Americana”, esclareceu Nantes.

 

Torcedor: compartilhe
Siga nas redes
Comentários
Carregar comentários
Assista ao nosso último vídeo:
Inscreva-se no canal