O mais novo reforço colorado anunciado no último final de semana é oficialmente apresentado, nesta quinta-feira. Estamos falando de Renzo Saravia - lateral-direita que se destacou justamente quando foi comandado por Eduardo Coudet, no Racing.

Em sua apresentação, o lateral destacou a oportunidade de poder voltar a trabalhar com Coudet, dizendo que conta com "colônia hermana" no Beira-Rio para facilitar sua adaptação. Além disso, agradece por poder novamente disputar uma Libertadores - o que o motiva muito.

Antes da apresentação oficial, Saravia realizou seu primeiro treinamento com seus colegas, pela parte da manhã, sendo posteriormente apresentado no CT Parque Gigante a imprensa pelo vice de futebol - Alessandro Barcellos e pelo executivo - Rodrigo Caetano.

"Muito importante ter falado com Coudet. Comentou dos objetivos, da forma de trabalhar, que eu conheço. Fiquei muito contente. Por sorte, pudemos fechar e hoje estou aqui", revelou o argentino, que emendou:

"Ter vários argentinos e o treinador é muito importante. Fica mais fácil para me adaptar. Quero ajudar o Inter a alcançar o mais alto possível".

Na mesma coletiva, Renzo Saravia ainda comentou sobre um dos motivos que o fez trocar a Europa pelo futebol sul-americano. Muito pelo sonho de conquistar a Libertadores - competição essa que disputou pelo Racing de Coudet, no ano de 2018.

"É um torneio a parte, muito duro. Para os argentinos, é muito especial. É um dos torneios mais duros que temos. Faremos todo o possível para chegar ao mais alto possível", declarou.

Para finalizar, o novo lateral colorado falou sobre os Grenais que terão pela Libertadores e durante a temporada.

"Treinava no Porto com regularidade e estou bem fisicamente. Temos um jogo muito importante neste final de semana. Mas, vamos ser sinceros, fala-se muito do Grenal. É um dos maiores do Brasil. Quero estar preparado", finalizou.

Saravia chega para seu quarto clube em sua carreira; antes de desembarcar em Porto Alegre e assinar pelo Colorado, o argentino passou antes por: Porto-POR, Racing e Belgrano-ARG. Tendo também passagens pela seleção argentina, inclusive jogou a Copa América por sua seleção, em 2019.