Lucas Pratto no Inter? Sim, há uma possibilidade do ex-atacante do São Paulo e Atlético-MG e que atualmente defende as cores do River Plate parar no clube gaúcho - de acordo com as últimas informações do "Mercado da Bola".

Herói do título da Libertadores de 2018, Pratto vem em baixa nos "Millonarios", onde não anota um gol a mais de sete meses e a pouco mais de um mês, o nome do argentino entrou em pauta no Colorado, mas segundo informações do site "globoesporte.com", as mesmas seguem em "stand-by".

Com contrato válido junto ao clube argentino até junho de 2022, o atacante em questão vem adiantando a sua preparação física para voltar no próximo ano em forma e com isso tentar recuperar o seu espaço na equipe comandada por Marcelo Gallardo - lembrando que o River Plate está em "pausa" para as festividades de final de ano, voltando às atividades no dia 03 de janeiro. Com constantes lesões neste ano, Pratto segue tentando voltar a sua forma habitual.

Aos 31 anos, mesmo sendo "centroavante" de origem, o jogador possui habilidades e consegue desenvolver bem o papel de atacante, bem ao estilo desejado por Eduardo Coudet - novo comandante técnico do Internacional - neste cenário, poderia formar dupla com Paolo Guerrero, no ataque colorado.

De herói a vilão

Depois de se sagrar ao dar o título da Libertadores 2018 ao River Plate, com o gol da vitória sobre o Boca Juniors, Pratto em 2019 na mesma competição passou a ser o "vilão" na eliminação do time argentino na Libertadores; sendo ele o "culpado" pelos torcedores do "Millonarios" no jogo diante do Flamengo - na final deste ano, em um erro que resultou no contra-ataque e no gol de Gabigol aos 43 minutos da etapa complementar.

Mesmo com tal informação que surgiu primeiramente divulgada pelo jornal argentino "Olé", a direção do Internacional não comentou nada a respeito do assunto, confirmando apenas a chegada de Rodinei - ex-lateral do Flamengo. Além de Rodinei, quem está próximo de ser confirmado é o volante argentino Damián Musto - do Huesca, da Espanha.