OPINIÃO: O Inter não mereceu uma vaga direta a Libertadores

Mesmo ainda não tendo assegurando uma das duas vagas a "Pré-Libertdores", o Colorado viverá nesta quinta-feira um dia de tensão pelo jogo do Goiás diante do Palmeiras, em São Paulo - jogo esse que poderá assegurar a classificação ao time gaúcho.

Por Minha Torcida
Compartilhe

Mais uma derrota para a conta do Internacional no Brasileirão - dos últimos 18 pontos disputados nesta reta final de competição nacional, o Colorado somou apenas 2 - algo incrível para quem dizia brigar por uma vaga direta a Libertadores de 2020. Pois é, agora, depois de sair do Morumbi com o placar adverso de 2 a 1, o time gaúcho que deixou escapar a classificação direta a principal competição sul-americana para um adversário direto, terá que "secar" concorrentes para até mesmo não ficar de fora da Pré-Libertadores, visto que o Goiás encara o Palmeiras nesta quinta-feira e ainda tem chances de ultrapassar o colorado.

Hoje o Internacional com 54 pontos, está apenas cinco pontos de distância do time goiano - claro que restam apenas seis para serem jogados, no entanto, o Goiás irá encarar o "Verdão" no Brinco de Ouro (um campo teoricamente neutro) e para os gaúchos dormirem tranquilos, basta um empate. Se o Goiás derrotar o Palmeiras, tudo ficará para a última rodada.

No último jogo do ano o Internacional irá encarar o Atlético-MG - sem nada mais a fazer na competição e dentro do Beira-Rio. Até aí você deve estar dizendo: "Tranquilo, tá dentro"; só que não, visto a campanha ridícula que o Colorado fez nesta competição dentro de seus domínios e para aumentar ainda mais o "perigo", o Goiás na última rodada irá enfrentar o Grêmio - maior adversário do Inter e com "eles" já garantidos na fase de grupos da Libertadores; algo que para um bom torcedor, saberá que os gremistas não irão impor dificuldades algumas ao adversário se esse cenário chegar a acontecer.

Ainda antes de encerrarmos, em uma análise própria da situação do Inter, o time gaúcho só estará na Libertadores do próximo ano por muita sorte e olha que nem falo dos jogos desta rodada, mas sim das circunstâncias que o levaram a conseguir essa provável "vaguinha" na primeira faze da competição continental - visto que de "G6" o Campeonato Brasileiro passou a ser "G8", com a conquista do Flamengo na Libertadores deste ano e com a conquista do Athletico na Copa do Brasil (por esse estar entre os cinco melhores; aqui volta a incompetência do Inter no ano; visto que perdeu o título da Copa do Brasil dentro de casa).

Essa imagem diz tudo do que foi o Inter na partida - Cuesta esteve irreconhecível, errando por demais.
Essa imagem diz tudo do que foi o Inter na partida - Cuesta esteve irreconhecível, errando por demais.

Se o Colorado assegurar hoje à noite a "vaguinha" a "Pré-Libertadores", que isso não sirva de motivos de comemoração, mas sim de uma análise profunda do que foi esse ano para o time, que se formos analisar a temporada inteira, essa vaga será muito pouco para as pretensões do clube no início do ano; vamos combinar!

Se os torcedores do Inter, assim como a direção pegar somente a campanha do "returno", o Internacional não merecia essa "chance" de estar na Libertadores, visto a campanha ridícula... O Colorado nesta segunda parte do Brasileirão é apenas o 13º colocado - com 5 vitórias, 6 empates e 7 derrotas - um aproveitamento de 38,9%; bem diferente da obtida no primeiro turno, onde teve um aproveitamento de 57,9% e encerrou essa na 4ª colocação, e olha que ali ainda tinha que dividir o campeonato nacional com Libertadores e com a própria Copa do Brasil - que perdeu em casa, sim, em casa, isso não pode ser esquecido.

Quer um número mais específico do que estou falando, em casa no primeiro turno o Inter teve um aproveitamento de 86,6% - com oito vitórias e dois empates; nenhuma derrota - já no returno foram apenas duas vitórias, quatro empates e mais duas derrotas até aqui - lembrando que no próximo domingo ainda tem o duelo diante do "Galo Mineiro"; um aproveitamento dentro do Beira-Rio no returno de 41,6%.

Assim sendo, todos os colorados hoje ligados no duelo entre Palmeiras x Goiás - às 19h15, que poderá garantir ao Inter uma vaga a "PRÉ-LIBERTADORES" do próximo ano; algo a não ser comemorado com tanta ênfase, mas sim que sirva como um alívio para a "tal" análise do que o time apresentou neste segundo semestre de 2019.

O Internacional fecha o ano mais bagunçado em campo do que iniciou, sem esquema tático, com zagueiros se achando centroavantes, com atacantes servindo de meias ou alas, sem laterais, com goleiro tendo que ir ao ataque para ver se faz um gol - uma verdadeira bagunça.

Torcedor: compartilhe
Siga nas redes
Comentários
Carregar comentários
Assista ao nosso último vídeo:
Inscreva-se no canal