Inter: Rodrigo Caetano em entrevista diz que interino segue nesta semana

Após o empate em 0 a 0 diante do Santos, no Beira-Rio, neste último domingo, o diretor executivo Rodrigo Caetano foi o dirigente responsável para conceder entrevista e sem citar nomes de treinadores que estão na mira colorada.

Por Minha Torcida
Compartilhe

Com técnico interino desde a demissão de Odair Hellmann, na última semana, a direção do Sport Clube Internacional diz não ter pressa e adota critério para escolha do próximo comandante técnico da equipe.

Após o empate em 0 a 0 diante do Santos, no Beira-Rio, neste último domingo, o diretor executivo Rodrigo Caetano foi o dirigente responsável para conceder entrevista e sem citar nomes de treinadores que estão na mira colorada, o mesmo afirmou que não tem pressa para anunciar o próximo profissional e adiantou que Ricardo Colbachini seguirá a frente da equipe principal diante do Avaí, na Ressacada, na próxima quinta-feira.

Rodrigo Caetano - dirigente colorado.Rodrigo Caetano - dirigente colorado.

"Seguiremos trabalhando em busca de um novo treinador. Vou pedir a compreensão de vocês. São inúmeras perguntas sobre perfil, nome, mas nós nos daremos o direito de falar somente quando tivermos realmente alguém definido no sentido de nome. Isso não colabora em nada. Até segunda ordem, o Ricardo segue a frente da equipe, muito provavelmente, na quinta-feira também. Vamos tentar chegar a uma possibilidade de negociação, mas não vou vir aqui prometer o que não podemos cumprir. O Ricardo segue nessa semana, até quinta, e veremos dia após dia, as decisões sobre o novo treinador", finalizou Caetano.

Mesmo não querendo falar a respeito de prováveis substitutos a Odair Hellmann, a direção colorada segue em busca de um profissional que venha para comandar o Inter não somente nesta reta final de Brasileirão, mas que também venha para comandar a equipe em 2020. Por esse motivo a direção adota cautela e segue sem pressa, visto que os dois nomes mais cobiçados atualmente para ocuparem a vaga em aberta estão empregados e com contratos encerrando em dezembro deste ano: Roger Machado (Bahia) e Tiago Nunes (Athletico).

Torcedor: compartilhe
Siga nas redes
Comentários
Carregar comentários
Assista ao nosso último vídeo:
Inscreva-se no canal