Gattuso aceita as vaias mas diz que não sai do Milan

Gennaro Gattuso venceu apenas uma partida pelo Campeonato Italiano até agora - treinador assumiu o comando do Milan no início de dezembro.

Por
Compartilhe

Após assumir o comando técnico do Milan, no início do mês, Gennaro Gattuso vem acumulando vários resultado negativos, tanto que sua permanência no cargo já vem sendo contestada.

Mesmo sabedor de sua situação frente ao comando técnico do clube italiano, Gattuso, que é ídolo rossonero por seu passado como jogador, afirmou que nunca irá renunciar ao seu cargo de treinador, mesmo após o Milan sofrer mais uma derrota em casa contra o Atalanta, neste último sábado.

Gennaro Gattuso - Treinador do Milan, da Itália.Gennaro Gattuso - Treinador do Milan, da Itália.

“Sei da nossa situação e mereço as vaias mais que os jogadores. Sou o comandante deste time, sou eu quem toma as decisões. Mas jamais irei me demitir. Estou à disposição do clube. Existem duas coisas que eu não gostaria que acontecesse: que os atletas façam o contrário do que eu digo e me transformem em um peso”, declarou Gattuso.

Com o novo tropeço no campeonato italiano, o Milan agora ocupa a 11ª colocação, com 24 pontos. Desde que assumiu a equipe no início de dezembro, Gattuso venceu apenas uma partida com sua equipe no italiano – a vitória foi contra o Bologna. O líder do Campeonato Italiano é o Napoli, que soma 45 pontos em 18 jogos.

Comentários