Série B - O que rolou na 15ª rodada

A 15ª rodada da Série B foi cheia de emoções, além do esperado, nesta última terça-feira.

Por
Compartilhe

Após passar mais uma rodada da Série B, a disputa por uma vaga que da acesso a elite do Futebol Brasileiro ficou mais emocionante e apertada; dos quatro times que integram o G4, três estão com os mesmos números de pontos, ou seja, 27. Pela ordem Guarani, Juventude e América-MG de acordo com os critérios de classificação. Ainda dentro do seleto grupo está o CRB, na quarta colocação, com 24 pontos.

Mas vamos ao que rolou dentro de campo:

Na abertura da 15ª rodada, o Figueirense recebeu em seu estádio Orlando Scarpelli, em Santa Catarina, a equipe do Oeste-SP. Em uma partida sonolenta, bastante cadenciada, ninguém conseguiu balançar as redes. Com o 0 a 0, o Figueirense continua no Z4, na 17ª posição, com 16 pontos, já o Oeste com mais um ponto conquistado, agora ocupa a 14ª colocação, com 20 pontos.

Duelo em Santa CatarinaDuelo em Santa Catarina

O vice-líder, Juventude recebeu em uma noite fria, no Alfredo Jaconi o CRB na briga direta dentro do G4; o Juventude dentro de seus domínios tentava retornar a ponta da tabela, mas não conseguiu. O jogo terminou empatado em 1 a 1, com os gols saindo ainda no primeiro tempo de partida. O Juventude foi quem abriu o placar, aos 21 minutos. Leílson aproveitou uma bobeira de Yuri, dominando a bola e chutando na saída de Edson Kolln; 1 a 0 Juventude. Aos 29 minutos da etapa inicial, Edson Ratinho cobrou escanteio, Flávio Boaventura subiu mais alto que a zaga do Juventude e cabeceou forte, no canto direito do arqueiro alviverde, deixando assim tudo igual. Com a temperatura ainda mais baixa, o segundo tempo foi de pouco aproveitamento por ambas as equipes; placar final 1 a 1. Com o empate, o Juventude é vice-líder da Série B, com os mesmos 27 pontos que o Guarani, líder e América-MG, terceiro colocado. Por sua vez, o CRB com um ponto conquistado fora de casa, somou 24 pontos na tabela, permanecendo no quarto lugar.

No Paraná, o Brasil de Pelotas foi até o estádio Durival Britto, em Curitiba para enfrentar o time da casa. O Brasil de Pelotas marcou cedo o seu gol, logos aos 16 minutos, com Itaqui. Com o gol do time gaúcho, o Paraná poderia ter se abatido, mas não foi isso que aconteceu, o time da casa conseguiu o empate na sequência, aos 22 minutos, com Robson. Na volta ao gramado, para a etapa final, o tricolor paranaense voltou pressionando e conseguindo a virada aos 10 minutos de jogo, com Eduardo Brock; aos 30 minutos, Robson cobrou pênalti no meio do gol, marcando o terceiro do Paraná e aos 31 minutos, Renatinho fechou o placar, 4 x 1 para o time da casa. Com a vitória, o Paraná Clube somou 20 pontos na tabela e está na 10ª colocação da Série B, já o Brasil de Pelotas com mais uma derrota, caiu para o 16º lugar, com 17 pontos, uma posição fora do Z4.

Paraná atropelou o Brasil de PelotasParaná atropelou o Brasil de Pelotas

O ABC recebeu o América-MG, que dominou a partida mas só conseguiu o resultado positivo aos 45 minutos da etapa final, com gol de Ruy. Com a vitória longe de casa, o time mineiro foi aos 27 pontos na tabela, seguindo na terceira posição, mas com os mesmos pontos que Guarani e Juventude. O ABC com a derrota é o 19º colocado, dentro do Z4 com 12 pontos.

Guarani e Ceará realizaram uma grande partida, no Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas (SP), com quatro gols marcados, dois para cada lado. O Ceará foi quem abriu o placar, aos oito minutos de jogo, com Pio. Ainda no primeiro tempo, o Guarani deixou tudo igual, com gol de Caíque, aos 34 minutos e aos 42 minutos, com a marcação de um pênalti a favor do Bugre Campinense, o Guarani virou o placar, com Fumagalli. O gol de empate do Vozão só saiu na etapa final, aos 40 minutos, com Arthur, que recém havia entrado em campo, fechado o placar; 2 a 2. Com o empate, o Guarani permanece na liderança da Serie B, com 27 pontos e viu o América-MG se aproximar dele e do Juventude, com os mesmos pontos conquistados. O Ceará com 22 pontos caiu para a 8ª posição na tabela.

Na fria noite de Porto Alegre (RS), no Beira-Rio, o Internacional recebia a Luverdense, o jogo foi praticamente de um time só, com o Colorado dominando a partida do início ao fim, mas não tendo competência nas finalizações, o Inter chutou 26 vezes em direção ao gol defendido por Diogo Silva, que realizou grandes defesas durante a partida. Mas um lance aos 46 minutos do segundo tempo esquentou o jogo; quando todo mundo achava que o confronto se encaminhava para o empate o auxiliar Márcio Eustáquio Santiago virou o protagonista da noite ao assinalar um impedimento em William Pottker. Veja o vídeo:

O lance começou com Carlos que cruzou rasteiro para Joanderson, mas mesmo antes da bola chegar ao jovem atacante Colorado, o auxiliar assinalou impedimento em Pottker, com isso o time do Luverdense parou em campo, mas o árbitro Igor Junio Benevenuto mandou seguir o lance, foi então que Joanderson tocou a bola para dentro da área, encontrando Pottker livre. O placar final ficou em Internacional 1 x 0 Luverdense.

Quarto gol do atacante com a camisa coloradaQuarto gol do atacante com a camisa colorada

Com a vitória, o Internacional soma 24 pontos, subindo para o 5º lugar na tabela de classificação, com os mesmos pontos que o CRB, que ocupa a 4ª colocação e dentro do G4. Já o Luverdense com essa derrota, está na 18ª posição, dentro do Z4, com 16 pontos.

Boa Esporte e Criciúma fecharam a noite; no Dilzon Melo, em Varginha (MG), o Boa levou a melhor em cima do time catarinense, vencendo a partida por 2 a 0, com gols de Fellipe Mateus e Diones. Com este resultado, o Boa Esporte soma 20 pontos na Série B, ocupando a 12ª colocação; o Tigre Catarinense com a mesma pontuação agora é o 13º na tabela.

Confira a tabela completa da Série B e os próximos jogos do seu time.

Comentários