Com proposta oficial do Palmeiras, Rodrigo Caetano pode deixar o Inter

Após se reunir com a direção do "Verdão", Rodrigo Caetano ficou de dar sua resposta até o próximo domingo, depois do encerramento do Brasileirão.

Por Müller
Compartilhe

Com vínculo válido junto ao Internacional até dezembro de 2020, Rodrigo Caetano - diretor executivo do clube pode estar trocando Porto Alegre por São Paulo; é que nesta sexta-feira o dirigente se reuniu com o Palmeiras - que demitiu Alexandre Mattos na última semana e deseja ter o profissional colorado ocupando o lugar vago.

Com uma proposta nas mãos para comandar o futebol palmeirense, o dirigente em questão ficou de dar sua resposta tanto para o Inter, quanto para o Palmeiras até o próximo domingo, após o encerramento do Brasileirão.

No Inter, Caetano além de sua função normal do dia-a-dia, também está desempenhando atualmente outra - a de vice de futebol - de forma interina, visto que o clube gaúcho por regra de seu estatuto terá que apresentar um nome dentro da atual administração "eleita" para ocupar tal vaga em 2020.

Rodrigo Caetano pode estar deixando o Beira-Rio para assumir a mesma função no Allianz Parque.
Rodrigo Caetano pode estar deixando o Beira-Rio para assumir a mesma função no Allianz Parque.

Além disso, vale lembrar que Caetano é uma das peças fundamentais do clube gaúcho no planejamento de 2020 - que, aliás, já teve início. O dirigente é o responsável por negociações de chegadas e saídas - além das renovações de contratos com os jogadores já existentes no grupo e também de manter conversas diárias com o novo técnico da equipe, o argentino Eduardo Coudet que deverá ser apresentado de forma oficial após o dia 15 de dezembro - dia se sua despedida do Racing.

Vale lembrar que na última quarta-feira, logo após a derrota do Inter diante do São Paulo, ainda no Morumbi, Caetano foi questionado a respeito da possível procura do Palmeiras em relação a seu nome - até ali na base da sondagem, onde ele declarou o seguinte:

"Não gostaria de falar nesse assunto. O dia que eu tiver um convite oficial vou estar me posicionando. Tenho contrato com o Internacional. Não podemos incorrer nessa armadilha. Temos a finalização da rodada e a última rodada ainda. Estou pensando já em 2020 com a direção. Apesar das especulações, meu pensamento é no Inter", disse no Morumbi.

Junto a administração do futebol do Inter desde maio de 2018, Caetano como já declaramos acima, é o principal responsável pela contratação de Paolo Guerrero - além de outros atletas. Além do Inter, Rodrigo Caetano também já trabalhou por equipes como: Grêmio, Fluminense, Flamengo, Vasco e RS; tornando-se um dos grandes nomes de referência na função.

Torcedor: compartilhe
Siga nas redes
Comentários
Carregar comentários
Assista ao nosso último vídeo:
Inscreva-se no canal