Athletico e Internacional no TOP 5 dos clubes com mais seguidores nas redes sociais

Os dois finalistas da Copa do Brasil pela primeira vez integram o topo da pesquisa realizada pelo IBOPE e Repucom, quanto ao crescimento nas redes sociais - Flamengo segue isolado na liderança.

Por Minha Torcida
Compartilhe

Athletico, Inter, Corinthians e Palmeiras crescem no ranking dos clubes brasileiros com maior evolução nas redes sociais, diz o IBOPE/Repucom - em pesquisa divulgada nesta segunda-feira.

O grande líder deste mesmo, continua a ser o Flamengo, no entanto, os clubes acima citados tiveram um crescimento considerável no último período. Os cinco clubes descritos no início de nossa matéria tiveram 718 mil novos sócios inscritos em seus canais oficiais no último mês - lembrando que esse número é de todos os mesmos somados.

Mesmo assim, o Flamengo segue na ponta, com quase 3,4 milhões de novos inscritos em suas redes sociais - o que representa o dobro do volume de seu resultado obtido em todo o ano de 2018, quando somou 1,7 milhões de novos inscritos.

Voltando aos clubes acima citados, por exemplo, os finalistas da Copa do Brasil deste ano - Athletico e Internacional tiveram um crescimento incrível em suas redes sociais. O Internacional para se ter uma ideia, figurou pela primeira vez no "TOP FIVE" de novos inscritos no último mês, com 82 mil novos seguidores em setembro - já o "Furacão", obteve no mesmo período, 71 mil novos seguidores em suas redes sociais.

Por sua vez, o Corinthians - semifinalista da Copa Sul-Americana e o Palmeiras - atual vice-líder do Brasileirão, completam o "TOP 5" de crescimento em setembro em seus canais nas redes sociais.

Vejam abaixo os números dos 45 maiores clubes nacionais em suas redes sociais:

Pesquisa divulgada pelo IBOPE dos clubes com mais seguidores sócios em suas redes sociais.Pesquisa divulgada pelo IBOPE dos clubes com mais seguidores sócios em suas redes sociais.

Torcedor: compartilhe
Siga nas redes
Comentários
Carregar comentários
Assista ao nosso último vídeo:
Inscreva-se no canal