Barcelona anuncia oficialmente a contratação de Paulinho

Por R$ 150 milhões, o jogador será apresentado ao Barcelona na quinta-feira

Por
Compartilhe

O Barcelona confirmou ainda no sábado a contratação, pelas próximas temporadas, do volante Paulinho, de 29 anos, que atuava no Guanghzou Evergrande, da China. O jogador pertencia ao time desde 2015, onde conquistou dois títulos do Campeonato Chinês e uma Champions asiática.


O clube catalão pagou 40 milhões de euros, cerca de (R$ 150 milhões) para ter o jogador, que é titular na seleção brasileira. Essa foi a quarta maior transferência da história do Barcelona. Paulinho fica atrás apenas de Neymar, contratado ao Santos em 2013 por 88,2 milhões de euros, Luis Suárez, que deixou o Liverpool por 81,72 milhões de euros, e Ibrahimovic, que saiu da Internazionale por 69,5 milhões de euros.

Na próxima quinta-feira o jogador chega ao clube, onde será submetido a exames médicos, assinará o contrato e será apresentado oficial aos torcedores no Camp Nou. Agora se alguém desejar tirar o meio-campista do Barcelona, terá que pagar uma multa rescisória de 120 milhões de euros, o que vale a R$ 452 milhões.

Um dos primeiros a comemorar e parabenizar Paulinho, foi Neymar. O parceiro do volante na Seleção Brasileira publicou uma foto no Instagram desejando sucesso, ao companheiro. “Irmão, todo sucesso do mundo para você... Espero que você seja muito feliz como eu fui aí tamo junto", disse o agora atacante do PSG.


O técnico  Luiz Felipe Scolari também comentou sobre a transferência do jogador que se destacou no Corinthians: "Paulinho é um jogador de qualidade individual muito grande. É ótimo tanto no clube quanto na seleção nacional. O alto valor que o Barcelona pagou para poder assinar com ele é um forte sinal de reconhecimento para o Guangzhou Evergrande. Nós o desejamos todo o melhor e esperamos que ele possa ter um futuro brilhante".

Agora, o Barça corre atrás de Philippe Coutinho, do Liverpool e de Ousmane Dembele do Borussia Dortmund. Acompanhe conosco as próximas movimentações do Barcelona, que está nessa fase de transição.

Comentários