Depois de não conseguir manter o técnico Pintado para a temporada 2021, na disputa da Série A, o Juventude correu rápido e anunciou nesta última quinta-feira, o retorno de um velho conhecido dos "jaconeros". Refiro-me a Marquinhos Santos, que comandará a equipe caxiense neste início de temporada; o mesmo será auxiliado pelo ex-treinador Eduardo Barros.

Marquinhos foi o responsável por devolver o Juventude a Série B, em 2019, sendo mantido a frente da equipe até o início da temporada 2020. Por conta da paralisação do futebol em março do ano passado, pelo vírus já conhecido por todos, fora demitido logo em seguido.

De volta ao clube, Marquinhos Santos terá a missão de comandar o Juventude no Gauchão 2021, na Copa do Brasil e no Campeonato Brasileiro - Série A, onde, como já revelamos acima, terá ao seu lado Eduardo Barros, ex-treinador do Athletico e hoje auxiliar técnico.

Novo diretor

Além de anunciar a nova comissão técnica, o Juventude também anunciou a chegada de Marcelo Barbarotti, que será o novo diretor executivo de futebol do clube. Aos 37 anos, o profissional é formado em educação física e pós-graduado em gestão esportiva, com passagens como dirigente por clubes como: Rio Preto (2012 a 2014), Grêmio Novorizontino (2015 a 2018) e CSA - na última temporada.

Sem jogos neste momento, o elenco do Juventude praticamente ganhou um "mini" período de férias, devendo voltar na próxima semana às atividades; com data ainda não marcada para a reapresentação. Enquanto isso, o departamento de futebol segue montando um elenco para a temporada 2021; visto as saídas de jogadores.