Um dos nomes da Chapecoense nos últimos anos, Alan Ruschel escreveu mais um capítulo na história do time catarinense. Com a vitória da Chapecoense e os resultados da rodada, o time garantiu o retorno à elite do Campeonato Brasileiro e teve Alan como capitão de equipe na temporada. Líder e símbolo da Chape, o jogador colocou seu nome mais uma vez na história do Verdão do Oeste e liderou o grupo no acesso para a Série A do Brasileirão de 2021. A equipe foi rebaixada em 2019, mas na temporada 2020 deu a volta por cima e está de volta a maior competição do Brasil.

Até aqui, o atleta disputou 40 jogos pela equipe, 24 na Série B, com duas assistências e excelentes atuações que o colocaram em diversas seleções rodada a rodada. Foi um dos responsáveis pela virada de chave da equipe na temporada e pela recuperação após um início complicado em 2020. Após isso, foi campeão catarinense dessa temporada e o lateral agora busca o título da Série B que marcaria seu primeiro título nacional com a Chapecoense. A um pontos atrás do América Mineiro, líder da competição, a equipe comandada por Umberto Louzer tem quatro rodadas restantes para buscar o caneco.

(Foto: João Guilherme / MS+ Sports)
(Foto: João Guilherme / MS+ Sports)

"Não tenho palavras para descrever a emoção de ajudar mais uma vez a Chapecoense. Junto com esse grupo conseguimos ultrapassar as dificuldades, conquistamos o Catarinense, conseguimos o acesso para a Série A e agora vamos em busca do título. Feliz demais por estar aqui nesse momento e com certeza vamos lutar muito para dar mais essa alegria ao torcedor da Chape, pois mesmo não podendo estar pertinho apoiaram e nunca deixaram de acreditar," afirma o capitão.

Mesmo com o acesso garantido, o time do Índio Condá vai em busca do troféu. Na caça ao coelho, a equipe enfrentará o Vitória, fora de casa, pela próxima rodada da competição. Em caso de conquista do título, será o primeiro título nacional da história do Verdão do Oeste.