Real Madrid é "TRI" Campeão da Champions League

O 13º título do Real Madrid só reforça a supremacia do clube espanhol na Europa: em cinco anos, o time conquistou nada mais, nada menos que quatro títulos continentais.

Por
Compartilhe

Em noite desastrosa do goleiro alemão, Karius – do Liverpool, o Real Madrid se sagra “TRI” Campeão da Champions League – 2016, 2017 e 2018 na sequência. Com dois gols de Gareth Bale e um de Benzema, o time merengue vence o Liverpool por 3 a 1 na final da Champions League nesta tarde/noite de sábado, em Kiev, na Ucrânia.

Real Madrid - Campeão da Champions League.Real Madrid - Campeão da Champions League.

Com a lesão de Salah no primeiro tempo da partida, o time inglês sentiu a falta do seu principal jogador e acabou não sendo páreo para o time merengue, comandado por Cristiano Ronaldo e Cia. De quebra o Real Madrid conquistou seu 13º título na maior competição do “Velho Continente”.

O Jogo:

O primeiro tempo da partida foi bem equilibrado, porém, o Liverpool teve uma grande perca – Salah deixou o gramado em prantos após ser derrubado por Sergio Ramos em uma dividida de bola – o atacante egípcio lesionou o seu ombro no lance e teve que ser substituído. Já no segundo tempo, sem a maior estrela do Liverpool, o Real Madrid dominou a partida e com a ajuda do goleiro adversário, que teve duas incríveis falhas – falhas essas que um goleiro não pode ter em uma final de Champions League, ainda em cima de um time como o Real Madrid – custaram caro Karius e para seu time. Com a ajuda do goleiro adversário e com a qualidade do time espanhol, os torcedores presentes no estádio Olímpico, em Kiev, na Ucrânia, viram o Real Madrid conquistar seu terceiro título de Champions League na sequência. Benzema e Bale – duas vezes marcaram os gols do título; Mané descontou para o Liverpool. Em quanto o papel de herói foi para o galês Gareth Bale, o papel de vilão ficou para o alemão Karius, que falhou em dois, dos três gols merengues.

Salah deixou o gramado ainda na primeira etapa com lesão no ombro, que poderá tirá-lo até mesmo da Copa do Mundo.Salah deixou o gramado ainda na primeira etapa com lesão no ombro, que poderá tirá-lo até mesmo da Copa do Mundo.

O 13º título do Real Madrid só reforça a supremacia do clube espanhol na Europa: em cinco anos, o time conquistou nada mais, nada menos que quatro títulos continentais; tendo esse time a segunda melhor sequência da história da Champions League – ficando atrás apenas para ele próprio, na década de 50.

O Herói:

Bale que iniciou a partida no banco de reservas, entrou no lugar de Isco na segunda etapa – aos 15 minutos e em seu primeiro toque na bola, marcou um golaço de bicicleta. Minutos depois, em um chute despretensioso contou com a ajuda do goleiro Karius – do Liverpool para marcar o terceiro gol do Real Madrid e o gol da tranquilidade do título.

O Vilão:

Em uma partida até que razoável na primeira etapa – Karius vinha defendendo bem a meta dos Reds, porem na segunda etapa do confronto, começou a viver seu inferno astral, com duas incríveis falhas. Ignorando a aproximação de Benzema, o arqueiro do Liverpool acabou travando ao tentar repor a bola em campo e acabou tendo a mesma roubada pelo atacante francês que abriu o placar para os espanhóis. Já próximo aos minutos finais da partida, mais um lance envolveu o goleiro, que em um chute de fora da área de Bale, deixou a bola passar entre suas mãos, resultando assim no terceiro gol merengue. Ao final da partida, Karius se dirigiu até a sua torcida chorando e pediu desculpas por suas falhas; de pé a torcida aplaudiu o arqueiro, em forma de “desculpas aceitas”.

No final deu à lógica e o Real Madrid levantou pela décima terceira vez a taça mais cobiçada do “Velho Continente”.

Veja abaixo os melhores momentos da grande final da Champions League entre Real Madrid e Liverpool:

Comentários