Tudo nas mãos do Ministério Público de São Paulo! Mas do que estamos falando; calma, eu explico.

Após um encontro entre a Federação Paulista de Futebol e representante do governo para debater sobre a paralisação do Campeonato Paulista 2021, ficou nas mãos da justiça.

Sim, a decisão de libera o Campeonato Paulista 2021 da paralisação imposta pelo governo estadual no último decreto apresentado na semana passada, ficou nas mãos do Ministério Público, que deverá definir a situação nos próximos dias.

Entenda

Na última quinta-feira, mas anunciado na sexta, o governador João Doria anunciou a suspensão por 15 dias das atividades esportivas em São Paulo, incluindo o Campeonato Paulista; em medidas de contenção do novo Coronavírus - prazo válido entre hoje, 15 a 30 de março.

A indefinição quanto à continuidade ou não do estadual está trazendo uma consequência: o duelo entre São Bento x Palmeiras, que deveria ser realizado nesta quarta-feira no estado - deve ser realizado em Belo Horizonte, no estádio Independência. Vale lembrar que essa partida é atrasada da terceira rodada.

Também salientamos que a paralisação de todas as atividades no estado paulista, entre elas a do Campeonato Paulista, foi recomendada pelo próprio Ministério Público, que hoje deverá analisar se libera ou não a continuidade da competição.

Encontro dessa manhã

Na reunião nesta segunda-feira pela manhã, ficou definido que o torneio poderá ser retomado, desde que exista concordância do MP. A FPF tenta de todas as formas marcar um encontro com o Ministério Público ainda no dia de hoje para tratar sobre o assunto. Aguardemos pelos próximos capítulos desta novela!

Paulistão 2021

Até a paralisação das partidas do Campeonato Paulista 2021, haviam sido jogadas quatro rodadas de um total de 12 previstas para a primeira fase. O estado de São Paulo vive atualmente um dos piores momentos da pandemia, com mais de 88,4% dos leitos de UTIs lotados no estado, com 90% desses ocupados na capital e região.