Minha Torcida Logo

Em jogo emocionante, Cruzeiro vence o Atlético-MG e larga em vantagem na final do Campeonato Mineiro

Em jogo muito equilibrado e emocionante, Cruzeiro vence o Atlético-MG e garante vantagem para o jogo de volta, no próximo domingo. Marquinhos Gabriel e Léo marcaram os gols cruzeirenses.

Por
Compartilhe

Cruzeiro e Atlético-MG entraram em campo na primeira partida da final do Campeonato Mineiro. Em uma partida equilibrada e com muitas chances, o Cruzeiro saiu vencedor, e agora joga por um empate na partida de volta, no próximo domingo, para ser o campeão estadual de 2019. Partida de volta acontece no próximo domingo, às 16h, no Mineirão, mas com torcida do Atlético-MG.

Para a partida, o técnico Mano Menezes escalou o Cruzeiro com: Fábio no gol; Edílson, Dedé, Léo e Egídio na defesa; Henrique, Lucas Romero, Robinho, Rodriguinho e Marquinhos Gabriel no meio campo; Fred no ataque.

Já o Atlético-MG, foi escalado com: Victor no gol; Guga, Leonardo Silva, Igor Rabello e Fábio Santos na defesa; Adilson, Elias e Cazares no meio campo; Luan, Chará e Ricardo Oliveira no ataque. 

PRIMEIRO TEMPO

Na primeira etapa, a partida foi muito estudada, e nenhuma das duas equipes se lançou muito ao ataque. Luan chutou de longe e obrigou Fábio a fazer bela defesa, logo no início. Depois disso, o jogo foi se desenvolvendo, e os espaços aparecendo. Luan cabeceou na trave após cobrança de falta, e quase abriu o placar para o Galo. O primeiro gol do jogo saiu aos 45 minutos, quando Fred achou Marquinhos Gabriel, que chutou forte e, após desvio na zaga, a bola enganou Victor e entrou para o gol, dando vantagem ao Cruzeiro. 

Cruzeiro foi mais ofensivo na primeira etapa, e saiu na frente. (Foto: Veja)Cruzeiro foi mais ofensivo na primeira etapa, e saiu na frente. (Foto: Veja)

SEGUNDO TEMPO

Na segunda etapa, o jogo foi mais duro, e mais emocionante, por consequência. Aos 10 minutos, Chará fez ótima jogada, e a bola sobrou para Ricardo Oliveira, que empatou o jogo. Porém, a comemoração atleticana não demorou muito, e cinco minutos depois, o Cruzeiro voltou a ficar em vantagem no placar, quando Léo aproveitou cobrança de escanteio, e marcou o segundo gol do Cruzeiro. Com 28 minutos, Ricardo Oliveira recebeu sozinho, mas chutou muito alto. Aos 34 minutos, o Cruzeiro quase ampliou o placar, quando Marquinhos Gabriel chutou bem, mas Victor fe ótima defesa. No lance seguinte, Fred marcou o gol cruzeirense, mas o VAR anulou, marcando toque de mão do atacante cruzeirense.

Torcedor: compartilhe
Siga nas redes
Comentários
Carregar comentários
Siga nossas redes sociais