Grêmio vence Avenida por 3x0 e abre ampla vantagem na semifinal

O Tricolor furou a retranca do Piriquito e "matou" o jogo em praticamente 10 minutos.

Por
Compartilhe

Rolou no Rio Grande do Sul, neste domingo, a partida das semifinais do Gauchão 2018. Em Santa Cruz do Sul o Grêmio visitou o Avenida - em campanha inédita chegando pela primeira vez em uma semifinal de campeonato estadual - e venceu o adversário com facilidade. Os gols foram marcados por Ramiro, Luan e Arthur. A partida de volta será disputada na próxima quarta-feira, na Arena do Grêmio, às 21h45.

Torcida presente em peso para apoiar tanto o time da casa quanto o adversário foi a grande marca do fim de semana em Santa Cruz do Sul. Esta semifinal também marca o percurso mais longo já percorrido pelo Avenida na competição estadual - e de quebra, está quase garantido em uma vaga na Série D do Brasileirão 2019. Só que do outro lado estava o Grêmio, atual Campeão da América e da Recopa Sul-Americana. Diferente do confronto na fase de grupos, em que o time de Porto Alegre usou time de transição e perdeu por 3-2, desta vez Renato Portaluppi utilizou a equipe principal (com desfalque apenas de Michel, perservado e Geromel, com a Seleção Brasileira). 

Leia também:

O Jogo

Com a bola rolando, nos primeiros segundos de jogo já dava para se ter uma noção de como seria a partida, com o Avenida recolhido em seu campo, esperando que Luan, Arthur e a equipe do Grêmio não conseguisse furar o bloqueio - e claro, esperando por uma oportunidade de encaixar um contra-ataque para tentar o resultado positivo em casa. Só não contava com o pé esquerdo de Ramiro (que é destro) e o chute no ângulo do goleiro Fabiano. O golaço gremista abriu o placar logo aos seis minutos de jogo. 

Ramiro achou um golaço de perna esquerdaRamiro achou um golaço de perna esquerda

O chute que desmonta qualquer estratégia de defesa desestabilizou também o emocional do Avenida. Para piorar, aos oito minutos, Jael tentou cruzar uma bola na área, só que a bola bateu na mão de Itaqui; o árbitro Jean Pierre Lima viu e marcou penalidade máxima. Na cobrança (aos 10 minutos) Luan deixou o dele para ampliar o placar.

Luan ampliou de pênaltiLuan ampliou de pênalti

Era visível a supremacia do Grêmio durante todo o tempo; com marcação deixando espaços para que os jogadores do Grêmio trocassem a tradicional e numerosa sequência de passes, o Avenida pouco podia fazer para atacar, salvo quando usava a velocidade de Tchelé para tentar uma jogada nas pontas. Quando precisou fazer Marcelo Grohe se movimentar, o goleiro não decepcionou e garantiu uma defesa não vazada antes do intervalo.

No segundo tempo o Avenida foi para o ataque, a intenção era tentar diminuir a diferença para colocar "fogo" no jogo, mas o esforço foi por água abaixo diante de grande jogada de Arthur e Everton. O volante, recentemente vendido ao Barcelona por aproximadamente 160 milhões de Reais, fez a primeira partida com atuação em 90 minutos, a terceira em campo depois da lesão sofrida na final da Libertadores 2017 e marcou o segundo gol no ano. Depois de abrir para Everton na ponta da área, o atacante encontrou Arthur entre os marcadores dentro da área, Arthur deu um drible seco a chutou para fechar o placar aos 12 minutos da segunda etapa. 

Arthur fechou o placarArthur fechou o placar

Depois da vitória e ampla vantagem garantidas, o Grêmio tirou o pé e adminsitrou o restante da partida. Renato colocou Alisson, Thonny Anderson e Hernane em carater de preservação dos titulares e também como teste para os reservas. Aliás, contra o Avenida, na partida de volta da Arena, é provável que o treinador faça uso de peças de reposição como teste para a Libertadores da América. O Grêmio joga contra o Monagas na outra quarta-feira (entre as partidas da final do Gauchão). 

Avenida pode reverter?

O cenário estabelecido pelo Grêmio mantém, matematicamente, possível uma virada de jogo na Arena, mas para isso, o Avenida precisa, no mínimo, vencer por 3-0 na casa do adversário. Uma vitória por 2-0 do Avenida, ainda garante o Grêmio na final do Gauchão.

Fala dos personagens

Destaque do jogo, Arthur comentou o gol e a sua titularidade: "Jogada bonita do Everton, que conseguiu dar entre dois adversários. Fui feliz no domínio e tirei do goleiro. Quem vai decidir é o Renato (sobre ser titular). Quem jogar vai estar preparado. Eu vinha trabalhando forte para aproveiar a oportunidade. Fico feliz pelo gol. Um pouco de mérito do Everton, também. Fui feliz no domínio", comentou o volante do Grêmio.

Já Itaqui, lateral do Avenida e personagem do pênalti marcado contra o seu time, reconheceu a grandeza gremista: "Resultado em si dói. Tomar 3 a 0 diante do torcedor. A torcida reconheceu contra quem está jogando, saber do peso da camisa do Grêmio. Há 3 meses eles estavam jogando contra o Real Madrid. Agora, é remontar, quarta-feira tem o compromisso de novo. É jogar pela nossa honra"

Renato Gaúcho, treinador do Grêmio, comentou a vantagem para o jogo de volta: "Temos larga vantagem, mas ainda não é 100%. A gente precisa garantir classificação para ir à final. Aí, sim, a gente pensa nos outros 180 minutos. Volto a repetir. O importante foi essa vantagem. Essa consciência do grupo, tenho falado sobre a importância de respeitar o adversário e buscar os resultados. No momento, o objetivo é a classificação, depois o título. Foi boa apresentação principalmente nos 90 minutos, conseguimos vantagem fora de cada, vamos continuar trabalhando", disse o técnico após o jogo.

Lembrando, a partida de volta será nesta quarta-feira, às 21h45 na Arena do Grêmio em Porto Alegre. O tricolor pode perder por até dois gols de diferença e ainda avança para a final.

São José 1x1 Brasil de Pelotas

Na outra partida da semifinal, entre São José e Brasil de Pelotas deu empate em 1-1 e tudo ficará para ser decidido na próxima quarta-feira, em Pelotas. O São José abriu o placar com Fábio e estava encaminhando o resultado positivo até quase o fim do jogo, quando em pênalti convertido por Heverton aos 45 minutos do segundo tempo deixou tudo igual no placar.

O cenário se desenhou assim: Empate sem gols e vitória do Brasil, levam o time de Pelotas para a final. Vitória ou empate em 2x2 ou mais, levam o São José para a final. Se a partida terminar novamente em 1x1, a decisão será nos pênaltis. 

Comentários