O Campeonato Brasileiro de 2020 vem mostrando aos amantes do futebol nacional que na atual edição, muitas surpresas podem acontecer, e alguns times vêm roubando a cena nestas primeiras rodadas. A principal delas é o Atlético-MG, que é o melhor time do campeonato neste momento, e tem um duelo com o Ceará, em casa, neste domingo, às 11h, no estádio do Mineirão.

Depois de conseguir duas vitórias sobre dois dos melhores time do país, o Atlético-MG, comandado pelo técnico Jorge Sampaoli, se candidatou de vez como um dos favoritos ao título desta edição do Campeonato Brasileiro, e agora busca mais um resultado positivo diante do Ceará, que ainda busca seu primeiro triunfo na competição.

A vitória contra o Corinthians confirmou o grande momento vivido pelo Atlético-MG. Mesmo após sair perdendo por dois gols de diferença, o Galo conseguiu buscar a virada, e principalmente com grande atuação do meia Hyoran, que veio do banco de reservas e marcou dois gols. Além dele, Nathan também teve atuação interessante, marcando o gol da vitória.

Para a partida diante do Ceará, o Atlético-MG deve ir a campo com o seu time considerado titular, com exceção de Nathan, que se recupera de lesão muscular. Sendo assim, deve ter a seguinte escalação: Rafael; Guga, Réver, Alonso e Guilherme Arana; Allan, Hyoran e Jair; Keno, Marrony e Savarino.

Após a grande vitória sobre o Corinthians na última rodada, o técnico Jorge Sampaoli comentou sobre o ritmo de atuação do time nos últimos jogos, e falou sobre a rotatividade do time na temporada:

"Nessa realidade, quando temos que ser extremamente ativos no ataque, precisamos muito da rotação dos jogadores, porque manter esse ritmo com os mesmos 10 (de linha) não poderíamos. (Contra o Corinthians), Nathan não pôde rodar (sair), porque não havia outra alternativa, e terminou lesionado. Com essa intensidade, seguramente: se não tivermos trocas constantes, vai custar caro." comentou Sampaoli.