O que foi que vimos na noite desta última quarta-feira em pleno Beira-Rio; o show de horrores nos pés de Uendel e na falha clamorosa de Marcelo Lomba - os culpados pelos dois gols do Sport, que mesmo brigando na parte de baixo da tabela de classificação do Brasileirão 2020, conseguiu derrotar o líder da competição por 2 a 1; encerrando com uma sequência de 12 jogos do Inter sem perder no torneio nacional.

Título ameaçado

Com a derrota para o "Leão" em pleno estádio Beira-Rio, na 35ª rodada do Brasileirão, o Internacional deixou escapar a chance de abrir quatro pontos para o vice-líder - Flamengo, que diminuiu a vantagem colorada para apenas um ponto; restando três jogos para o final da competição e tendo um confronto direto entre as duas equipes daqui a duas rodadas.

Com 66 pontos do time gaúcho, contra 65 dos cariocas, a disputa pelo título nacional ficou aberta, prometendo fortes emoções até o final do Brasileirão 2020, tendo de quebra o Atlético-MG na mira das duas equipes, com 61 pontos, na terceira colocação; fechando o G4, vem o São Paulo, com 59 pontos.

O JOGO

O duelo entre Inter e Sport iniciou com os donos da casa dominando as principais ações ofensivas, com a primeira chance real aparecendo aos 7 minutos de jogo, com cobrança de falta de Víctor Cuesta, que colocou a bola rente a trave defendida por Luan Poli, que contou com a sorte dela passar raspando. Já aos 15 minutos, Uendel pela linha de fundo cruzou na área e Caio Vidal testou com perigo; a bola passou a esquerda da meta defendida pelo goleiro do "Leão".

Mudança de panorama

Aos 25 minutos da etapa inicial, a transformação do duelo, quando Uendel foi expulso por segurar Marquinhos em um contra-ataque. Com um home a mais em campo, o time comandado por Jair Ventura cresceu no jogo e logo em seguida abriram o placar, com Marcão colocando a bola na saída de Marcelo Lomba, aos 37 minutos do primeiro tempo.

Com desvantagem no placar e em número de jogadores em campo, o time de Abel Braga até tentou ir pra cima, onde três minutos após o gol do Sport, Patrick numa jogada individual encheu o pé e deixou tudo igual no Beira-Rio.

A falha

Já nos descontos da etapa inicial, aos 49 minutos, Patric (do Sport) cruzou a bola na linha de fundo para dentro da área colorada, Marcelo Lomba acompanhou a trajetória da bola e acreditando ter ela saído pela linha de fundo, desistiu da jogada, no entanto o árbitro mandou seguir, e aí Júnior Tavares aproveitou a bobeira da defesa do Inter e do goleiro Marcelo Lomba, rolando a bola para Dalberto, que precisou apenas empurra para o fundo gol vazio; recolocando assim os pernambucanos à frente novamente no placar.

Segundo tempo

Na etapa final, o Inter voltou em cima do Sport, porém, com um home a menos em campo, não conseguiu igualar o placar do jogo; muito pela inoperância do meio de campo e do setor de ataque, que não conseguiram se entender na partida após as falhas do primeiro tempo e com o time do Sport fechadinho atrás, não teve muita competência para chegar ao gol de empate, exceto numa chance aos 18 minutos do segundo tempo, quando os colorados nos pés de Caio Vidal tiveram ótima oportunidade para deixar tudo igual, mas viram a bola bater na trave e sair pela linha de fundo e assim foi o jogo até o apito final.

Próximo compromisso do Inter

O time de Abel Braga volta a campo no domingo, às 16h, quando encara o quase rebaixado Vasco - de Vanderlei Luxemburgo, em São Januário. Um empate nesta partida, somada a uma possível vitória do Flamengo diante do Corinthians no mesmo horário, poderá resultar na troca de posições das duas equipes; porém, uma vitória colorada somada a um possível empate do Flamengo ou até mesmo uma derrota, poderá deixar os gaúchos ainda vivo na briga pelo título nacional; lembrando que o próximo jogo das duas equipes, será o confronto direto no Maracanã (algo que vamos falar em outra ocasião).