De fato, o resultado de 3x0 do Palmeiras sobre o São Paulo no clássico paulista da rodada refletiu muito bem o que foi o jogo. Intenso desde o primeiro minuto, o time de Mano Menezes sufocou o tricolor paulista, e venceu com autoridade. Sendo assim, o Verdão diminuiu para 7 pontos (Flamengo ainda não jogou na rodada) e se mantém viva a esperança de defender o título brasileiro.

Para a partida, o Palmeiras foi escalado com: Weverton; Marcos Rocha, Gustavo Gómez, Vitor Hugo e Diogo Barbosa; Bruno Henrique, Felipe Melo e Gustavo Scarpa; Zé Rafael, Dudu e Deyverson.

Já o São Paulo, foi escalado pelo técnico Fernando Diniz com: Tiago Volpi; Daniel Alves, Arboleda, Bruno Alves e Reinaldo; Luan, Tchê Tchê e Igor Gomes; Antony, Vitor Bueno e Alexandre Pato.

O JOGO

Diante de sua torcida, o Palmeiras foi mais intenso e buscou mais o gol. O alto ritmo do Verdão foi premiado logo aos 11 minutos, quando após vacilo de Arboleda, Bruno Henrique aproveitou a sobra e, de cabeça, abriu o placar. Mesmo estando atrás no placar, o São Paulo não conseguiu atacar, e tanta fraqueza ofensiva foi castigada com mais um gol do Palmeiras: Aos 44 minutos, Felipe Melo aproveitou cobrança de escanteio e cabeceou firme para o gol.

Na segunda etapa, o cenário do jogo foi o mesmo da primeira etapa. Mesmo estando mais ligado em campo, o São Paulo não conseguiu melhorar seu desempenho. Precisando se lançar ao ataque, o tricolor paulista deu ainda mais espaços, e parecia questão de campo para que o Palmeiras chegasse ao terceiro gol, como de fato chegou. Aos 11 minutos, em contra-ataque puxado por Zé Rafael, Gustavo Scarpa chutou firme e anotou o terceiro gol do Palmeiras. Depois disso, os times pareciam satisfeitos com o resultado, e mesmo diminuindo o ritmo, o time de Mano Menezes poderia ter feito ainda mais gols: Fim de jogo, e 3x0 para o Palmeiras.