Na volta de Rogério Ceni ao Fortaleza, time vence o Botafogo com ajuda do zagueiro adversário

Mesmo tendo menos posse de bola, o “Leão do Pici” conseguiu vencer a partida “graças à desgraça” do zagueiro Marcelo, que marcou contra aos 15 minutos da etapa complementar.

Por Minha Torcida
Compartilhe

Na volta de Rogério Ceni ao Fortaleza; time da à resposta ao treinador e vence o confronto diante do Botafogo nesta última segunda-feira, no Castelão, em partida válida pela 22ª rodada do Brasileirão.

Mesmo tendo menos posse de bola, o "Leão do Pici" conseguiu vencer a partida "graças à desgraça" do zagueiro Marcelo, que marcou contra aos 15 minutos da etapa complementar. Com a vitória o time de Rogério Ceni chega a 25 pontos na tabela de classificação, ocupando agora a 13ª colocação; já o Botafogo, permaneceu com seus 27 pontos, ficando assim na 12ª posição; uma a frente do seu adversário da última noite.

Fortaleza venceu o Botafogo por 1 a 0 na volta de Ceni ao comando do Leão do Pici.
Fortaleza venceu o Botafogo por 1 a 0 na volta de Ceni ao comando do Leão do Pici.

O "Glorioso", como também é conhecido o time do Botafogo por infelicidade teve dois gols anulados - o primeiro aos 6 minutos do primeiro tempo, com Diego Souza que aproveitou o cruzamento de Marcinho e cabeceou no canto esquerdo de Marcelo Boeck - o gol foi anulado visto que o atacante estava em posição de impedimento, flagrado pelo assistente, que não precisou do VAR para analisar a jogada. O outro gol anulado do Botafogo ocorreu aos 3 minutos da etapa complementar, com André Luís, que estava à frente quando recebeu a bola de Juninho, após girar sobre Fernando, ficando assim em posição de impedimento.

No retorno de Rogério Ceni ao Fortaleza, o mesmo viu seu time ter nove chances reais de marcar, contra apenas quatro do Botafogo e mesmo assim contou com a "ajuda" do defensor do glorioso para vencer a partida.

Rogério Ceni - treinador do Fortaleza.
Rogério Ceni - treinador do Fortaleza.

Após a partida, em sua coletiva, Rogério Ceni deixou um recado explícito aos seus ex-comandados, em especial a Thiago Neves, Dedé, Fred e Edílson, com quem teve conflitos dentro do Cruzeiro; o treinador deu o seguinte "recado": "Voltei para o Fortaleza porque conhecia a índole, o caráter dos jogadores".

Lembrando que o Cruzeiro que passou a ser comandado por Abel Braga, na estreia deste foi derrotado pelo Goiás pelo placar de 1 a 0, afundando ainda mais a "Raposa" em sua crise interna.

Veja abaixo os demais resultados da 22ª rodada do Brasileirão:

Torcedor: compartilhe
Siga nas redes
Comentários
Carregar comentários
Assista ao nosso último vídeo:
Inscreva-se no canal