Com show de Gabigol, Flamengo atropela Palmeiras e escancara crise do Verdão

Com atuação de gala, time de Jorge Jesus aplica contundente vitória de 3 a 0 sobre o Palmeiras e retoma a liderança do Campeonato Brasileiro. Paulistas afundam na crise.

Por Talis Andrey de Mello
Compartilhe

Com o objetivo de retomar a liderança do Campeonato Brasileiro, o Flamengo teve um grande duelo na tarde deste domingo, no Maracanã. Os comandados do técnico Jorge Jesus enfrentaram o Palmeiras, em partida válida pela 17ª rodada do Brasileirão.

Com uma ótima atuação, principalmente do trio de ataque formado por Bruno Henrique, Gabigol e Arrascaeta, o Rubro-Negro venceu com facilidade o Palmeiras por 3 a 0, no Maracanã, e se manteve na liderança do campeonato. O Palmeiras, por outro lado, afundou na crise, e agrava a situação do técnico Felipão, que pode deixar o clube nesta semana.

O JOGO

Apoiado por mais de 60 mil pessoas no estádio do Maracanã, o Flamengo foi ao ataque desde o primeiro minuto. Entretanto, quem balançou a rede primeiro foi o Palmeiras com Matheus Fernandes. Porém, o VAR anulou o gol, apontando impedimento. Depois disso, o que se viu foi um verdadeiro massacre do Flamengo, que criava diversas oportunidades de gol. A pressão teve resultado aos 10 minutos, quando após rápida troca de passes, a bola chegou para Gabriel, que apenas deslocou o goleiro para marcar o seu 27ª gol na temporada. O primeiro gol do Flamengo desmontou o Palmeiras, que não conseguia ficar com a bola. Outro duro golpe para o time paulista aconteceu aos 38 minutos, quando após cruzamento de Bruno Henrique, Arrascaeta apenas completou de cabeça para ampliar o placar. Willian chegou a marcar nos acréscimos, mas o árbitro Rafael Traci marcou impedimento de Vitor Hugo no cabeceio.

222

Na segunda etapa, o Flamengo continuou tendo mais a bola, e criando as melhores chances. Gerson e Bruno Henrique arriscaram de longe por cima do gol. O terceiro gol saiu aos 15 minutos depois que o árbitro marcou pênalti de Diogo Barbosa em Rafinha. Gabigol bateu e aumentou. A situação do Palmeiras ficou ainda pior com a expulsão do zagueiro Gustavo Gómez aos 36 minutos, por falta violenta em Bruno Henrique. Diante de uma enorme festa da torcida, com gritos de "olé" e "mais um", o Flamengo administrou a vitória até o apito final.

SEQUÊNCIA

Com a quarta vitória consecutiva, o Flamengo chega aos 36 pontos, mesmo número do Santos, mas com vantagem no saldo de gols (18 a 12). O time dirigido por Jorge Jesus volta a jogar no sábado, contra o Avaí, às 17h, no estádio Mané Garrincha, em Brasília.

Já o Palmeiras, permanece com 30 pontos e começa a ver os líderes abrirem vantagem (ainda tem um jogo a menos). Mais do que isso, aumenta a pressão de parte da torcida pela saída do técnico Luiz Felipe Scolari, já agravada após a eliminação na Libertadores. O time de Felipão ainda não venceu no Brasileirão depois da Copa América. São duas derrotas e cinco empates. No sábado, a equipe enfrenta o Goiás, às 21h, no Serra Dourada.

Torcedor: compartilhe
Siga nas redes
Comentários
Carregar comentários
Assista ao nosso último vídeo:
Inscreva-se no canal