Grenal-417 poderá gerar punições a colorados e gremistas

Gremio e Inter irão para o banco dos réus na sexta-feira por confusão no duelo entre as duas equipes. Renato e Maicon pela confusão e o Inter por retardar o início do confronto.

Por
Compartilhe

O Grenal-417 ainda está gerando certa confusão – agora fora de campo. Maicon, Renato Portaluppi e o Inter; além do árbitro Péricles Bassols Cortez e seus auxiliares, foram denunciados pelo STJD e serão julgados na próxima sexta-feira (21/09) devido à confusão causada pós-clássico nos vestiários do estádio Beira-Rio.

O Sport Clube Internacional – mandante do clássico, foi denunciado no artigo 206, que se refere ao atraso em entrar em campo, retardando assim o início da partida. A pena nesse caso é financeira, com valores entre R$ 100,00 a R$ 1.000,00.

Confusão nos corredores do Beira-Rio pós-Grenal-417.Confusão nos corredores do Beira-Rio pós-Grenal-417.

Pela parte do Grêmio, o volante Maicon que mesmo sem participar do clássico, aos gritos se dirigia aos atletas do Inter, que comemoravam a vitória por 1 a 0 após o apito final. Com isso, o capitão gremista foi incluso no artigo 258: “Assumir qualquer conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva”. A pena varia de uma a seis partidas de suspensão. Renato Portaluppi – treinador do Tricolor, que tentou invadir o vestiário colorado, foi denunciado no mesmo artigo que o seu comandado, assim, as penas são iguais.

Já o trio de arbitragem do clássico grenal, que citou apenas as confusões de Renato Portaluppi e Maicon, foi citado nos artigo 260 e 266. “Omissão no dever de prevenir ou de coibir a violência ou animosidade entre os jogadores, no transcorrer da partida” e “deixar de relatar as ocorrências disciplinares da partida, prova ou fazer de modo a impossibilitar ou dificultar a punição dos infratores, deturpar os fatos ocorridos ou ainda fazer constar fatos que não tenha presenciado”.

Mais sobre: stjd grenal-417 confusão
Comentários