Deu ruim para Neymar na Espanha! De acordo com um comunicado emitido nesta sexta-feira pelo Barcelona, o mesmo comemora vitória conquistada nos tribunais sobre o atacante brasileiro - com relação a uma desavença entre as partes no que tange o pagamento de bônus ao atleta.

Segundo o comunicado dos catalães, a justiça determinou que Neymar terá que devolver 6,7 milhões de euros a seu antigo clube - algo próximo a R$ 40 milhões, no entanto, o atleta poderá recorrer da decisão, ao qual o Barça promete se defender com "fervor".

"O Barcelona comunica com satisfação, o veredicto anunciado hoje pela Corte Social 15, em Barcelona, com relação ao processo envolvendo o clube e o jogador Neymar Jr., por conta de um montante de bônus em sua contratação, no final da renovação do contrato com o atleta", afirma a nota do clube em questão.

Para concluir, o clube espanhol ainda destaca o seguinte:

"A decisão recusou integralmente o pedido de Neymar Jr. pelo pagamento de 46,3 milhões de euros e aceitou a maior parte da defesa apresentada pelo Barcelona, e com resultado o jogador terá que devolver 6,7 milhões de euros ao clube", finaliza a nota.

Neymar que atualmente atua pelo Paris Saint-Germain; nas duas últimas temporadas tem virado alvo de boatos sobre sua possível volta ao clube catalão, no entanto, com os últimos acontecimentos essa possibilidade fica cada dia mais distante de acontecer.