Marcelo Gallardo no Barcelona? Entenda

O técnico Marcelo Gallardo viu ganhar força na Espanha os rumores de que é o nome mais desejado para substituir Ernesto Valverde no Barcelona - a informação foi trazida pelo programa "El Chiringuito", da Espanha.

Por Minha Torcida
Compartilhe

A torcida do River Plate vive com duas expectativas no momento: a primeira pela decisão da Copa Libertadores, contra o Flamengo, no dia 23 e a segunda quanto a questão de seu treinador.

O técnico Marcelo Gallardo viu ganhar força na Espanha os rumores de que é o nome mais desejado para substituir Ernesto Valverde no Barcelona, no entanto, mesmo o comentarista Claudio Borghi cravar que o "Muñeco" será comandante do Barça a partir de dezembro, a direção do clube argentino prega calma.

O diretor esportivo dos "Millonarios", Enzo Francescoli, que também é amigo pessoal do comandante técnico, apontou que "não há nada certo" entre o argentino e o clube catalão. E que qualquer decisão só será tomada pelo comandante em dezembro.

Marcelo Gallardo - atual treinador campeão da Libertadores - com o seu River Plate.Marcelo Gallardo - atual treinador campeão da Libertadores - com o seu River Plate.

"Estou sabendo o que todos sabem; o que todos estão lendo, e me alegro pela envergadura do clube que está o observando. Mas não há nada certo. Todos os anos, Gallardo faz uma avaliação em dezembro, e depois toma a decisão de seguir. Mas isso é muito pessoal, dele com seu grupo de trabalho. Por isso, tem que deixar que as coisas aconteçam", declarou Francescoli à rádio "TyC Sports".

Vale ressaltar que na última segunda-feira, o famoso programa "El Chiringuito", do canal "Mega", apontou que Marcelo Gallardo é o favorito para ser o próximo técnico do Barcelona - onde ele contaria até mesmo com o aval de Lionel Messi. O diretor esportivo do River afirma que é preciso estar preparado para qualquer desfecho, mas que não vem focando neste tema no momento.

"Temos que estar preparados para a decisão que ele tomar. Aconteceu quando, há alguns anos, Ramón (Díaz) nos disse que tinha que ir. Mas não penso muito nisso, a não ser quando me fazem pensar muito mais os jornalistas quando me perguntam. Não estou pensando no que vai acontecer em alguns meses, porque nem mesmo é uma decisão minha", encerrou Francescoli.

Torcedor: compartilhe
Siga nas redes
Comentários
Carregar comentários
Assista ao nosso último vídeo:
Inscreva-se no canal