Após realizar exames médicos no último domingo, o atacante Griezmann foi oficialmente apresentado aos torcedores do Barcelona. Apesar do Atletico de Madrid tentar barrar a contratação com todas as forças, o clube catalão apresentou o seu mais novo reforço aos torcedores e a imprensa. O presidente do Barcelona, Josep Maria Bartomeu, assegurou que a transação está finalizada e deu a camisa 17 ao jogador francês durante evento no estádio Camp Nou.

Com um largo sorriso, Griezmann, de 28 anos e campeão mundial com a França na Copa da Rússia, fez as tradicionais embaixadinhas e posou para fotos. O mais novo atacante blaugrana ainda deu declarações sobre o seu novo desafio em sua carreira:

- Estou muito animado por estar aqui. Estou aceitando um grande desafio e estou preparado para o que está por vir. Vou tentar melhorar, procurar o meu lugar em um grande clube e tentar ganhar todo os títulos - disse Griezmann, durante a coletiva de imprensa na qual falou também sobre seu ex-clube:

- Foi difícil deixar o Atlético. Só tenho admiração e respeito pelo clube que dei tudo quando estive lá.

Falando em Atlético, Bartomeu comentou o comunicado oficial do Atlético alegando aliciamento a Griezmann dizendo que o Barcelona só procurou o jogador em maio, e não em março como o alegado pelos colchoneros.

Os advogados de Griezmann estiveram na manhã da última sexta na sede da Liga Espanhola para depositar os € 120 milhões (R$ 505 milhões) da multa rescisória do contrato do francês. Desta forma, o atacante estaria livre do vínculo com o Atlético e poderia assinar com o Barça sem problemas. Entretanto, logo depois, os madrilenhos declararam que o valor pago deveria ser maior.