Para presidente do Barcelona, Neymar não agiu de forma adequada

A ida de Neymar para o PSG ainda deixa feridas abertas no Barcelona.

Por
Compartilhe

Em entrevista ao “El Mundo Deportivo”, o presidente do Barça diz que o atleta não agiu de forma adequada. Josep Maria Bartomeu, presidente do Barcelona, decidiu quebrar o silêncio após ser alvo de críticas e protestos por parte dos torcedores do clube. Em entrevista ao jornal espanhol, Bartomeu tratou de vários assuntos que são pautas dos catalães há alguns dias. Entre esses assuntos, disse que Neymar não agiu de forma adequada durante as negociações com o PSG; ele afirmou que o atacante brasileiro deveria sim ter tornado público o seu desejo de deixar o Barcelona.

“Ele não agiu de forma correta pois penso que se um jogador quer sair do clube, que deixe bem claro e a partir daí vamos tratar do assunto. Agindo desta forma, dá tempo para o clube se preparar e buscar um substituto. Neymar não nos deu essa oportunidade, pois ele e seu pai diziam que não estavam seguros com a transferência. Não dizer que queria sair e o clube receber 222 milhões de euros, isso acabou inflacionando o mercado”, declarou o presidente do Barcelona.

Para presidente do Barcelona, Neymar não agiu de forma adequada

Leia também:

Perguntado se sabia que havia algumas sondagens pelo craque da Seleção Brasileira, Bartomeu negou e disse que como estão dizendo por aí, ele não foi avisado em maio sobre a intenção de Neymar deixar o clube catalão – voltando a afirmar que se ele tivesse o avisado sobre seus objetivos de transferência, as coisas teriam sido diferentes. Além disso, também declarou que não sabe as razões que levaram Neymar a trocar o Barcelona pelo PSG:

“Estou querendo saber, pois sinceramente não sei. Você precisa perguntar a ele. Para mim ele não disse. Por dinheiro? Por liderar um projeto esportivo? Ele estava até então no melhor clube do mundo, cercado pelos melhores jogadores do mundo e até mesmo do melhor – Messi. Mas desconheço os motivos. Simplesmente pagou a cláusula e partiu”.

Ainda durante a entrevista, o presidente do Barcelona culpou a não vinda de Philippe Coutinho ao mercado inflacionado e ainda afirmou que o Liverpool exigiu 200 milhões de euros pelo jogador. Encerrando a entrevista, Bartomeu disse que mesmo com a saída de Neymar e a não vinda de Coutinho, o clube segue como um dos melhores times do mundo.

Comentários