Malcom em dois minutos marca seu primeiro gol pelo Barça na Champions League

O gol do jovem atacante brasileiro só não foi o da vitória catalã, porque Icardi marcou para a Inter, deixando tudo igual.

Por
Compartilhe

Assim como poderá ocorrer hoje à tarde com Vinicius Junior, do Real Madrid, aconteceu com Malcom, do Barcelona. O atacante contratado junto ao Bordeaux no início da temporada e que vem recebendo poucas chances do técnico Ernesto Valverde, fez sua estreia na Champions League nesta última terça-feira e mais, com um gol nos primeiros minutos em campo.

Com apenas dois minutos em campo diante da Inter de Milão, pela quarta rodada da fase de grupos da Champions League, Malcom conseguiu nos minutos finais da partida marcar para o Barcelona – o gol do brasileiro só não foi o da vitória catalã porque Icardi assegurou o empate ao time italiano.

Malcom marca seu primeiro gol com a camisa do Barcelona e também o seu primeiro gol na Champions League.Malcom marca seu primeiro gol com a camisa do Barcelona e também o seu primeiro gol na Champions League.

Após o apito final, o jovem de apenas 21 anos, não cabia em si e comemorou muito o seu primeiro gol na maior competição do “Velho Continente” e o seu primeiro gol pelo Barcelona. Desde a sua chegada ao clube espanhol, Malcom havia jogado apenas duas partidas com a camisa do seu novo time (contra o Leganés e Valladolid).

Em sua entrevista na zona mista do estádio San Siro, Malcom falando ao “Esporte Interativo” declarou estar muito alegre.

“Poder começar o meu primeiro jogo em uma Champions e ainda marcando gol; é uma alegria muito grande. Vai ficar marcado na minha memória. Desde pequeno sonho em jogar essa competição pelo Barcelona, esse primeiro jogo irá ficar marcado na minha cabeça. Estou feliz pelo jogo, mas não tão feliz pelo resultado. Queria ter vencido o duelo”, declarou o jogador brasileiro do time espanhol em entrevista.

Ainda na “zona mista”, Malcom falou de sua situação no time catalão e reconheceu que é complicado jogar no Barça.

“Estou muito feliz, mas tenho que continuar a trabalhar. O grupo é muito forte e nós somos muito unidos. Eu sei como é complicado jogar no Barça; não é fácil, todos os jogadores são grandes atletas. Tenho que continuar trabalhando e aproveitar as oportunidades. Hoje fui feliz por fazer o gol, como o Rafinha foi dias atrás”, lembrou ele.

Em relação a um pedido seu para sair do clube espanhol, o atacante brasileiro aproveitou a oportunidade para esclarecer o assunto.

“Não vou sair; eu vim para fazer história aqui. Não fui tão bem no início, mas agora vou começar a receber mais oportunidades. Por falta de ritmo de jogo, acabei não indo tão bem na Copa como eu queria. Mas hoje mostrei que estou bem, tenho que continuar com meu trabalho para receber mais chances do nosso treinador”, finalizou.

Na capa do jornal “Sport” desta quarta-feira, o mesmo publicou uma foto do jovem atacante brasileiro com a seguinte manchete: “Malcom existe”.

Matéria de capa do jornal "Sport" desta quarta-feira.Matéria de capa do jornal "Sport" desta quarta-feira.

 

Comentários