Conforme já escrevemos nesta última sexta-feira, o Atlético-MG segue em busca de um novo comandante técnico para a temporada - querendo um técnico "cascudo"; o clube já ouviu um "não" de Mano Menezes, tendo ainda um ex-conhecido da torcida em sua mira, aqui falamos de Cuca.

Só que nas últimas horas pintou um novo nome nessa busca - trata-se de Jorge Sampaoli, que mesmos antes do "Galo" acertar com Dudamel, já havia conversado com o treinador argentino, que na época pediu alto demais para comandar a equipe mineira, porém, parece que a situação agora é outra. Com investidores na parada, o Atlético-MG promete ir forte em busca desse treinador de "primeira linha" e Sampaoli seria o preferido, neste momento.

Com "meio caminho" andado, Sampaoli que no final de 2019 ficou no "quase", parece ter retomado as negociações com o Atlético-MG, segundo a rádio "Itatiaia" - de Belo Horizonte. No entanto, a principal dificuldade para um acerto entre as partes, segue sendo a mesma da última vez, ou seja, valores. O técnico argentino pede alto em salário e premiação, onde ainda faz exigências muito específicas, que fazem com que o clube precise, de fato, de um grande esforço para viabilizar o negócio.

Porém, neste momento o que poderá ajudar o "Galo" é que o nome de Jorge Sampaoli tem a preferência de um grupo de investidores que estão do lado do Atlético-MG nesta janela de transferências.

Sem emprego desde que deixou o Santos ao final da última temporada, o profissional em questão chegou a abrir algumas negociações posteriores, mas não chegou a acordo algum, estando livre para acertar com o "Galo". Os próximos dias serão decisivos nesta negociação!