Com o elenco mais caro e mais qualificado de sua história, o Atlético-MG chega como um dos principais favoritos ao título da Copa Libertadores da América. E, nesta sexta-feira (9), os comandados do técnico Cuca conhceram os seus adversários na fase de grupos da principal competição do futebol sul-americano.

Em cerimônia realizada na sede da Conmebol, no Paraguai, o Galo já sabe como será o seu calendário e toda a sua logística nesta primeira fase da competição. O time ficou situado no pote 2 do sorteio.

Com isso, o Atlético ficou no grupo H da competição. Seus adversários serão o Cerro Porteño, do Paraguai, além do America de Cali, da Colômbia, e o Deportivo La Guaira, da Venezuela. Mesmo com elenco amplamente superior, o Galo pode encontrar algumas dificuldades principalmente com o America de Cali e Cerro Porteño, que possuem grande histórico de tradição na competição.

A ordem de jogos do Atlético, será a seguinte:

1ª rodada - Deportivo La Guaira (fora de casa)
2ª rodada - America de Cali (em casa)
3ª rodada - Cerro Porteño (fora de casa)
4ª rodada - Cerro Porteño (em casa)
5ª rodada - Deportivo La Guaira (em casa)
6ª rodada - America de Cali (fora de casa)

*A tabela ainda depende de aprovação oficial da Conmebol. Esta ordem foi montada com base no critério utilizado nos últimos anos nesta mesma competição.

Quem são os adversários do Atlético-MG na fase de grupos da Libertadores 2021

Cerro Porteño (PARAGUAI)

Uma das equipes mais tradicionais da história da Libertadores, o Cerro Porteño foi o cabeça de chave do grupo H. 6 vezes semifinalista do torneio, os paraguaios nunca foram campeões, mas sempre estiveram presentes, e por isso, conhecem muito bem o ambiente da competição.

Na temporada passada, o Cerro Porteño venceu o primeiro turno do Campeonato Paraguaio, onde conquistou 50 pontos em 22 partidas. Na atual temporada, o time ocupa a 4ª posição do campeonato nacional, com 19 pontos conquistados em 10 jogos.

Entre os nomes mais conhecidos do time, estão o meia Villasanti, joia do futebol paraguaio, além do atacante argentino Mauro Boselli, ex-Corinthians.

America de Cali (COLÔMBIA)

Uma das "sensações" do futebol sul-americano nos últimos anos, o America de Cali vem aos poucos, retomando o seu protagonismo dentro do futebol colombiano. Participante da edição de 2020 , o time agora é tido como a 2ª força desta chave.

Nesta temporada, o America de Cali ocupa a 8ª posição da tabela de classificação, com 25 pontos conquistados em 16 rodadas. A diferença para o líder Atlético Nacional é de 6 pontos.

Entre os nomes do elenco do time colombiano, estão o atacante Duvan Vergara, o que esteve no radar de Grêmio e São Paulo, na última temporada. Além dele, o time do técnico Juan Cruz Real possui o jovem João Rodriguez, de 24 anos, como passagens pela seleção colombiana, como uma peça perigosa do ataque.

Deportivo La Guaira (VENEZUELA)

Ainda coadjuvante no cenário nacional, o Deportivo La Guaira faz a sua estreia na fase de grupos da Copa Libertadores da América. Fundada no ano de 2008, a equipe deve ser o "saco de pancadas" do grupo, e não deve oferecer nenhuma resistência.

Treinador pelo ex-goleiro Daniel Farías, que teve passagens como técnico do Strongest, da Bolívia, e Deportivo Táchira, da Veneuzela, o La Guaira não atua desde dezembro, quando terminou a temporada 2020.