Nova direção atleticana assume e já toma medidas drásticas. Sim, no mesmo dia em que o presidente - Sérgio Coelho, eleito no último pleito assumiu o comando do clube, esse já anunciou a demissão do diretor de futebol Alexandre Mattos na manhã desta segunda-feira.

Alexandre Mattos

Mattos que fora demitido nesta manhã de segunda-feira pela nova direção do "Galo", tinha contrato com o clube mineiro até final de 2021, onde neste acordo existia também uma multa em caso de rompimento, assim sendo, o dirigente terá direito a receber uma certa quantia (não revelada) pela quebra de contrato.

Veja abaixo a nota divulgada pelo Atlético-MG da demissão de Alexandre Mattos:

"O Clube Atlético Mineiro acertou, nesta segunda-feira, 4 de janeiro, a demissão contratual com o diretor de futebol Alexandre Mattos. O encerramento deste vínculo com Alexandre Mattos é fruto da decisão do órgão especial colegiado, composto pelo presidente Sérgio Coelho, pelo vice-presidente José Murilo Procópio e pelos conselheiros e apoiadores Rubens Menin, Ricardo Guimarães, Renato Salvador e Rafael Menin. Por deliberação deste órgão, optou-se por montar um time de dirigentes alinhados com o perfil administrativo e os propósitos deste recém-criado conselho. A mudança na diretoria de futebol converge para a nova política de gestão que irá permear o Galo nos próximos anos, com foco na austeridade administrativa, por meio das melhores práticas de governança; na reestruturação das categorias de base; na construção da Arena MRV; e na manutenção de um time de profissional altamente competitivo. O Clube Atlético Mineiro agradece ao ex-diretor pelos serviços prestados e deseja-lhe sucesso nos futuros desafios profissionais".