O Grêmio é Campeão da Libertadores da América 2017

Fora de casa, com mais de 5 mil torcedores gremistas, o tricolor sacramentou o tri campeonato.

Por
Compartilhe

É noite/dia de festa no sul do Brasil. O Grêmio venceu a sua terceira Copa Libertadores da América, com direito a craque do jogo, da competição e uma marca histórica para Renato Portaluppi. O treinador é o único brasileiro que venceu a Libertadores como jogador e, agora, também como técnico. A partida foi tranquila do ponto de vista da segurança e o Grêmio mostrou que valeu a pena poupar jogadores nos demais campeonatos para buscar o objetivo do ano. 

Leia também:

Como foi a partida

A vantagem era toda brasileira, na partida de ida em Porto Alegre, o Grêmio venceu por 1-0 com gol predestinado de Cícero e passe de cabeça de Jael (ambos saíram do banco de reservas). Para a partida da volta, se desenhou uma especie de caldeirão no estádio "La Fortaleza", em Lanús. Porém, o estádio para cerca de 40 mil torcedores viu uma onda azul comandar o espetáculo com cantos mais fortes que dos torcedores da casa.

O Grêmio não jogou seu melhor futebol em Porto Alegre e, de quebra, viu um Lanús provando que não estava na final por acaso. No entanto, quando mais seria necessário que os guerreiros de bairro se mostrassem prontos para erguer a primeira taça da Libertadores, o Tricolor lembrou o porquê de merecer o título. Administrando as ações com passes precisos e a quase genialiade de Arthur, o Grêmio sofreu apenas um ataque efetivo do time da casa, parando novamente nas mãos de Marcelo Grohe - um dos nomes desse time vencedor.

De repente uma bola na intermediária espirrou em Fernandinho - que correu com um 'raio' para, sozinho, colocar o Grêmio na frente da decisão.

Questionado, Fernandinho marcou o nome dele na história do GrêmioQuestionado, Fernandinho marcou o nome dele na história do Grêmio

Curiosamente Luan - que corria (ou tentava) ao lado de Fernandinho no lance do primeiro gol -, recebeu passe de Jaílson e avançou para marcar o segundo gol, mas não antes de segurar a bola, passar por dois marcadores e tocar por cobertura sobre o goleiro Andrada. Um golaço.

Craque da Libertadores, Luan está tranquiloCraque da Libertadores, Luan está tranquilo

O camisa 7 do Grêmio concorria como o MVP da Libertadores (o craque da competição) e assim foi eleito ao final do jogo. Arthur, o menino prodígio de 20 anos do Grêmio, saiu machucado nos primeiros minutos do segundo tempo; ainda assim levou o prêmio de melhor jogador da partida. Luan só não levou para casa ainda o prêmio de artilheiro da Copa porque Sand, atacante de 37 anos da Lanús, descontou de pênalti na segunda etapa e se isolou como o goleador da competição.

Mesmo com o gol descontado, a Lanús precisava ainda fazer mais dois gols para levar a partida para a prorrogação, não dando tempo para tal, o Tricolor Gaúcho consagrou uma campanha praticamente irretocável para ser Tri-campeão da América.

Festa do Grêmio com o novo 'Capitão América', GeromelFesta do Grêmio com o novo 'Capitão América', Geromel

Agora é comemorar, descansar e se preparar para o Mundial de Clubes da Fifa, que começa para o tricolor nodia 12 de dezembro. E a estátua tanto pedida por Renato ganha ainda mais força agora, não é mesmo?

Parabéns Grêmio, Tri-Campeão da América.

Comentários